Última hora

Home

Notícias

A Polícia Judiciária (PJ) de Vila Real deteve um homem...

Anos consecutivos de baixas produções estão a preocupar...

“Neste momento não se afigura uma situação em que a...

A Guardia Civil fez uma publicação nas redes sociais ‘...

A trovoada e a chuva intensa provocaram esta tarde três...

O município de Vila Flor, no distrito de Bragança, vai...

A Adega de Sabrosa está a instalar 104 painéis solares...

Um homem de 62 anos foi detido pela suspeita de ter...

Duas pessoas morreram na sequência de um despiste de uma...

A E-REDES garantiu hoje que tem empenhado todos os seus...

As detenções foram feitas no âmbito de uma investigação...

Escavações arqueológicas na Necrópole Medieval das...

Um acampamento que termina com uma arruada no dia 16 de...

Mais de 60 municípios da região Norte de Portugal...

O Vitória de Guimarães venceu hoje em casa do Desportivo...

A Câmara do Peso da Régua vai homenagear a Associação...

Um choque frontal provocou hoje dois feridos graves, um...

Publicidade

Publicidade

Reportagens

Para Paulo Bragança homenagear Adriano Correia de Oliveira “é imperativo”. “O facto de ter morrido tão cedo terá contribuído também [para o esquecimento], mas não se justifica”.

Um dos mais destacados artistas de Bragança, Miguel Moreira e Silva, encontrou nos restos florestais um novo material para fazer arte e dar forma às tradicionais máscaras transmontanas, que lhe servem de inspiração e que tem reinventado.

Adelino Martins, de 70 anos, constrói, pela segunda vez, réplica de carro de madeira, do século XIX, em tamanho real e completamente funcional.

Entrevistas

Isabel Ferreira, secretária de Estado do Desenvolvimento Regional

A secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, Isabel Ferreira, garantiu, em entrevista à Lusa, que o Interior do país vai ter mais atenção e medidas do que alguma vez teve, apesar de ter desaparecido da estrutura do Governo.

Sobrinho Teixeira em entrevista ao Diário de Trás-os-Montes, no passado domingo dia 12 de dezembro, em direto do Castelo de Bragança, fez um balanço do seu mandato e comentou o convite que lhe foi dirigido pelo PS.

A principal consequência da classificação do Douro Património Mundial da UNESCO foi a “preservação do bem”, afirmou o coordenador da candidatura que se mostrou preocupado com a “desertificação progressiva”.

A pintora Graça Morais transformou “o medo, a angústia e a solidão”, do último ano e meio, em arte que vai mostrar na primeira exposição de inéditos depois da pandemia, no Centro de Arte Contemporânea de Bragança.

Em entrevista dada ao Diário de Trás-os-Montes (DTM), o representante do Movimento Cultural Terras de Miranda, Eng. Aníbal Fernandes, realçou o estado de abandono e de desleixo do poder centro, a EDP em particular, em que deixaram as Terras de Miranda".

"Estou certa de que a ciência aporta valor à cultura, e a cultura aporta valor à ciência. É fundamental esta interligação entre instituições académicas e outras", vincou Aida Carvalho.